Como fazer uma estufa?

shutterstock_287980349

Olá!!

Como está o teu jardim? Viçoso e florido? Recheado de plantas aromáticas? Hoje vou explicar como podemos fazer uma estufa pequena ou média para criar um microclima e proteger as nossas plantas das intempéries. Para estufas com uma maior dimensão o ideal é contratarem uma empresa especializada. A função das estufas é acumularem calor, diminuírem a variação de temperatura e protegerem as plantas de chuvas intensas e geadas.

Localização

Em primeiro lugar escolham bem a localização, um lugar que apanhe sol uma grande parte do dia e que preferencialmente esteja virado a este para apanhar o sol matinal em vez do sol do fim de tarde. Escolham um lugar perto de um acesso à água pois vão precisar de regar as vossas culturas.

Estrutura

A estrutura de suporte da estufa pode ser em metal, madeira ou PVC. Podem utilizar estruturas em forma de arco, triangulares ou com telhados com inclinação para um lado, de forma a que a chuva não se acumule na cobertura. Não se esqueçam de que a estrutura tem que ser suficientemente alta para vocês conseguirem regar e adubar as plantas ou suficientemente pequena para poder ser removida sem grandes dificuldades para conseguirem aceder às plantas.

Cobertura

É necessário cobrir a estrutura com alguma espécie de plástico (PVC) que deve estar bem fixo à estrutura com agrafos ou parafusos. Não se esqueçam que a ideia é criar um microclima e para isso precisamos de ter um bom isolamento do clima exterior.

Estufas Verticais

Se leram o meu artigo anterior sobre jardins verticais, já podiam esperar esta dica! Podem utilizar estantes de aço galvanizado para fazerem uma estufa na vossa varanda, ou comprem já uma estante com a cobertura de PVC.

Estufas de interior

Não pensem que as estufas estão reservadas para o exterior. Em Portugal tem aumentado o número de pessoas com plantas dentro de casa e hoje em dia existem mini estufas à venda para que possam ter as vossas plantas de interior protegidas! Mesmo dentro de casa preocupem-se com o número de horas e em que parte do dia irá a estufa estar ao sol.

As estufas podem auxiliar o desenvolvimento das plantas mas também podem criar ambientes demasiado quentes para elas. Informem-se bem sobre que espécies se dão neste género de climas. Além disso, precisam de ter cuidado com a irrigação e adubo! O ideal é criar um sistema de irrigação automático para que não corram o risco de matar as vossas plantas à sede. Mas sobre isto falarei num próximo dia 😉

Um abraço e até à próxima!